Pressa traz risco de redução na aposentadoria do INSS

Em tempos de desemprego em alta e permanente discussão sobre reforma da Previdência, mais trabalhadores tentam antecipar suas aposentadorias para obter renda extra e escapar de um possível endurecimento nas regras de acesso ao benefício.

Mas descuidos provocados pela pressa podem diminuir o salário do aposentado, risco que pode ter ficado maior a partir das concessões automáticas no INSS.

Hoje, os computadores do instituto são capazes de identificar se os segurados cumpriram os requisitos mínimos para receber uma aposentadoria.

Mas falhas no Cnis (cadastro de contribuições) do trabalhador podem prejudicar o cálculo da renda mensal.

“É muito difícil que todos os detalhes estejam registrados no Cnis”, diz a advogada Marta Gueller, do escritório Gueller e Vidutto.

Nas aposentadorias por idade, que representam a maioria dos benefícios automáticos, um único mês de recolhimento não incluído no Cnis pode reduzir a renda. (Agora São Paulo)